Cabos Bipolares

Características Gerais dos Cabos Bipolares
O fio elementar das cordoalhas é feito de cobre eletrolítico de alta condutividade e são estruturados e posicionados para aumentar a flexibilidade e reduzir a abrasão.
As cordoalhas são prensadas e soldadas aos terminais assegurando o melhor contato elétrico sem que super aqueçer o cobre.
Diferentes tipos de terminais estão disponíveis e novos modelos podem ser desenvolvidos de acordo com a solicitação do cliente.
As mangueiras de borracha natural são fixadas aos terminais com abraçadeiras de aço e garantem a estanquiedade dos cabos.
Os cabos bipolares possuem um núcleo vazado em borracha natural que permite maior vazão de água e consequentemente melhor refrigeração das cordoalhas.

Este núcleo com seu perfil em estrela funciona como um separador interno e evita a fricção das cordoalhas entre si permitindo a uma melhor refrigeração com uma menor queda de tensão.

A estrutura também minimiza a geração de fragmentos de fios que poderiam causar restrições na refrigeração.

Os polos alternados nos cabos bipolares proporcionam um menor fator de potência resultando em menores perdas e consequentemente melhor rendimento obtendo-se:

– Menor consumo de energia;
– Menor queda de tensão;
– Menor tranco.

Característica Técnica 

O cabo bipolar fabricado pela W. Rady é fabricado com 6 cordoalhas em cobre eletrolítico isento de oxigênio, com fios nus ou estanhados sendo que cada cordoalha de cada polo respectivamente, é posicionada alternadamente em todo o cabo até os respectivos terminais, fazendo com que se obtenha a menor reatância.

  1. a) Vantagem dos terminais forjados ou laminados e usinados (não fundidos):

A condutividade em cabos com terminais forjados é alta, e também superam em propriedades mecânicas aos terminais fundidos.
Não apresentam defeitos internos, se comparado aos materiais fundidos tais como, poros, micro-trincas e inclusões.

  1. b) Núcleo Estrela:

Esse seprador interno em borracha natural ou silicone, evita a fricção das cordoalhas entre si, permetindo a melhor refrigeração e menor queda de tensão. O núcleo vazado permite maior vazão de água, melhorando a refrigeração das cordoalhas. Assim teremos:

-Maior eficiência elétrica;
-Melhor troca de calor;
-menor queda de tensão;

Tipos de terminais

img_06

Sugestões de modelos (outros modelos são possíveis de serem fabricando também)